DG Entrevista – Andrea Santos Gigliotti.

    Receba gratuitamente a minha e-apostila!

    “10 Artigos Legais Essenciais para conhecer o Direito Notarial e Registral”

    Cadastre-se:



      Receba gratuitamente a minha e-apostila!

      “10 Artigos Legais Essenciais para conhecer o Direito Notarial e Registral”

      Nome Completo: Andrea Santos Gigliotti

      Profissão: Registradora e Tabeliã

      Data de Nascimento: 11/02/1976

      Site/Redes Sociais: @deagigliotti; www.cartoriogigliotti.com.br; facebook Cartório São Miguel Paulista

      Time de Futebol: Santos Futebol Clube

      Hobby: Viajar e praticar esportes como a corrida e a yoga

      Uma música: Beatiful Day –  U2

      Um ídolo: Meus pais

       

      1-) Qual o maior benefício da atuação dos cartórios (serventias extrajudiciais) para a sociedade brasileira?

      Os cartórios existem para servir à sociedade em suas necessidades de segurança jurídica, no exercício de direitos e da cidadania. Devido a essa finalidade, notários e registradores, profissionais do direito que recebem a delegação da atividade por meio de concurso público vêm aprimorando sua função a cada dia, contribuindo com a sociedade, objetivando proporcionar uma melhor prestação de serviços.  Neste contexto, toda atuação do notário ou registrador é fiscalizada pelo Poder Judiciário, o que torna a atividade confiável sendo fundamental para a validação dos atos civis perante à sociedade.

      2-) Dentre os atos praticados pelos cartórios, destaque um que considere de maior relevância.

      Existem muitos atos importantes para a garantia da segurança jurídica, e destaco o Testamento Público, pois cumpre a vontade do testador sendo um instrumento de grande valia dentro do planejamento patrimonial sucessório, evitando litígios futuros entre os herdeiros. Por ser um ato solene e produzido perante o notário, ficará perenemente arquivado na serventia, o que afasta o risco de extravio ou destruição.

      3-) Se pudesse mudar algo na atividade notarial e registral, o que seria?

      Não mudaria algo na atividade e sim na forma como ela é divulgada. Penso que a atividade é ainda mal interpretada por falta de conhecimento sobre os atos e sobre a real importância deles dentro da sociedade. A difusão da atividade notarial e registral desde a escola até às universidades é o caminho, o que ocasionaria uma melhor compreensão de sua relevância.

      4-) Deixe uma mensagem para os leitores do Blog do DG que são admiradores de sua atuação.

      O Dr. Arthur é uma pessoa especial, um grande entusiasta da atividade notarial e registral. Quando estudava para concurso sempre me espelhava nos cursos e palestras que ele produzia. Na época ainda não havia o blog, apenas as redes sociais e aulas on line que sempre procurava seguir. Espero que o blog tenha cada vez mais leitores assíduos, pois é uma ferramenta de grande valia para o estudo da nossa atividade.

      Deixe um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

      Últimas postagens

      Últimas postagens

      Últimas postagens