VARIEDADES

Concurso para cartório: dicas gerais de estudos.
img


Olá! Se você tem interesse em ser titular de cartório, mas ainda não sabe ao certo como começar a preparação para o concurso público, esse conteúdo é para você. É extremamente importante conhecer todas as etapas do concurso e seus temas para planejar e organizar os seus estudos. E o fundamental para isso tudo é: ter foco!

O concurso público que seleciona os candidatos a assumir um cartório pela primeira vez é chamado de provimento e é composto por quatro etapas: prova objetiva, exame escrito e prático, exame oral e análise dos títulos dos candidatos. A primeira fase é eliminatória, a segunda e a terceira fase são eliminatórias e classificatórias, e a última, é unicamente classificatória.

Mas, calma. Não precisa se apavorar! Preparei algumas dicas para te auxiliar no planejamento e organização dos estudos, ainda que saibamos que não há uma fórmula mágica ou milagrosa para passar. Por isso, lembre-se: dedicação, determinação e foco são fundamentais para a sua aprovação. Veja as dicas a seguir:

Conheça os temas

·         Conhecimentos gerais - história Geral e do Brasil, atualidades, política nacional e internacional, literatura brasileira e portuguesa, geografia brasileira e mundial, e raciocínio lógico;

·         Matérias do Direito Constitucional, Notarial/Registral, Administrativo, Tributário, Civil, Processual Civil, Penal, Processual Penal, e Comercial;

·         Conhecimentos sobre a normatização imposta por cada Tribunal de Justiça estadual e pelo Conselho Nacional de Justiça;

·         Decisões dos poderes legislativo, judiciário e executivo.

Organize um cronograma

Para ter um retorno positivo dos seus estudos, é preciso conciliar o estudo em casa, a participação em um curso preparatório, a leitura de material de apoio e a atualização sobre notícias relacionadas ao direito e ao segmento extrajudicial. Para isso, é criar um cronograma de estudos é providencial, já que você pode reunir todas essas atividades de acordo com as suas necessidades - que devem ser avaliadas por simulados e testes aplicados por professores.

Desenvolva seu próprio método

Determinar um número de horas para seu estudo diário, incluindo fins de semana e feriados, e criar formatos de auto avaliação podem te ajudar. Assim, é possível testar o rendimento dos estudos mensalmente com simulados e pedir para os professores do curso preparatório corrigi-los para você. Participar de grupos de estudo também é enriquecedor e dá suporte emocional, proporcionando ainda o compartilhamento de experiências.

Encontre materiais de apoio

Pesquise na internet e peça aos seus professores indicações de materiais de apoio. Eles podem ser disponibilizados das mais diversas formas para o seu estudo não ficar cansativo, como um canal no YouTube, livros, podcasts, artigos etc.

Aproveitei e separei os meus principais conteúdos para concursos para facilitar a sua organização. Veja:

Vídeos do YouTube

·         Concursos para Cartório - Por onde começar?

·         Concursos para Cartórios - Dicas - Parte 1

·         Concursos para Cartórios - Dicas - Parte 2

·         Chegou a 2ª Fase - Como estudar???

Cursos

·         Aulão da Véspera - Revisão preparatória para concursos de cartórios

·         Treinamento para a 1ª fase - 12º Concurso de São Paulo

Livros

·         O Direito Notarial e Registral em Artigos – Volume I

·         O Direito Notarial e Registral em Artigos – Volume II

·         O Direito Notarial e Registral em Artigos – Volume III

·         10 Anos da Lei Federal nº 11.441/07 em 10 Artigos

Além disso, aqui no Blog do DG, atualizado diariamente, disponibilizo podcasts, artigos, notícias e decisões do Direito Notarial e Registral, fundamentais para conhecer informações específicas da atividade e se manter atualizado. Bons estudos!

Isabel Cristina Passalini Ferreira
28/11/2019

Estudar e atualizar é aqui.

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são obrigatórios!